PROEXT 2010

16/04/2010 10:15

Saiu o edital para o PROEXT 2010: são 30 milhões de reais a serem distribuídos para 10 grandes áreas temáticas. Confira os detalhes em nossa página.

1: Educação
2: Cultura e Arte
3: Pesca artesanal e aqüicultura familiar
4: Promoção da Saúde
5: Desenvolvimento Urbano
6: Desenvolvimento Agrário
7: Redução das desigualdades sociais e promoção da inclusão
8: Geração de Trabalho e Renda por meio da Incubação de Empreendimentos Econômicos Solidários
9: Preservação do Patrimônio Cultural Brasileiro
10: Garantia dos Direitos das Mulheres em situação de violência

Lançamento do Edital 15/04/2010
Inscrições das propostas Até 16/05/2010
Divulgação dos resultados Até 31/05/2010

Programa de Educación Permanente em Bioetica 2010 – Unesco

06/04/2010 09:16

Estão abertas as inscrições para o Programa de Educación Permanente em Bioetica/2010 da Unesco na modalidade a distância.

Serão oferecidos dois cursos:

V Curso de Introdución a la Ética de la Investigación en Seres Humanos e

IV Curso de Introdución a la Bioética Clínica y Social.

Mais informações no endereço:
http://www.redbioetica-edu.com.ar/

UFSC busca professores para o Projeto Rondon

06/04/2010 09:15

UFSC busca professores para o Projeto Rondon
por Arley Reis, Agecom/UFSC

Reunião com professores na próxima sexta-feira visa esclarecer
sobre as propostas a serem enviadas até o dia 23 de abril

Quando: 6a. feira, 09 de abril, 8:30 h
Onde: Sala de Reuniões do Laboratório Central de Microscopia Eletrônica (atrás do RU)
Quem: Professores interessados em integrar o Projeto Rondon 2010
Contato: Profa. Monica Santos, monicasantos@reitoria.ufsc.br, tel 3721-5344.

Conhecer melhor a realidade brasileira, proporcionar o trabalho coletivo e a
aplicação dos conhecimentos acadêmicos para o bem-estar de comunidades
carentes são alguns dos benefícios do Projeto Rondon. Com o objetivo de
motivar a comunidade acadêmica para maior participação nesta iniciativa, a
UFSC realiza na próxima sexta-feira, 9 abril, uma reunião com professores
interessados na programação desse ano. O encontro será realizado a partir de
8h30min, no Laboratório Central de Microscopia Eletrônica (atrás do RU, próximo ao
prédio da CPL)

As Instituições de Ensino Superior têm até o dia 23 de abril para enviarem
propostas de trabalho para as operações do Projeto Rondon que serão
realizadas no mês de julho. As ações de cidadania, bem-estar,
desenvolvimento local e sustentável serão desenvolvidas por universitários e
professores, de forma voluntária, em municípios carentes do Brasil.

O encontro organizado pelo Departamento de Projetos de Extensão da UFSC,
direcionado somente a professores, vai esclarecer as possibilidades de
participação, os novos prazos e novidades deste ano, como o aumento do
número de rondonistas por equipe (agora são grupos de oito alunos e dois
professores). As atividades estão programadas para começar no próximo dia 9
de julho e prosseguem até 1° de agosto.

Este ano serão três operações. A denominada Catirina será realizada em 22
municípios do centro-norte do estado do Maranhão. A Operação Rei do Baião
será desenvolvida no extremo oeste do estado de Pernambuco, também em 22
municípios da região, e a operação Mamoré ocorre em 16 municípios do estado
de Rondônia, ao longo da BR-364. O Exército Brasileiro e a Força Aérea
Brasileira prestarão o apoio logístico às equipes.

A professora Mônica Santos, do Departamento de Projetos de Extensão, destaca
a importância de que os docentes participem de iniciativas do gênero. Para
institucionalizar as ações, na UFSC está sendo organizado um Núcleo de Apoio
ao Projeto Rondon. As atividades devem ser registradas no Sistema Acadêmico
de Extensão e serão contabilizadas para a progressão funcional dos
professores. Docentes podem participar diversas vezes do projeto. Alunos de
graduação apenas uma.

O resultado da seleção das universidades será divulgado na página do
Departamento de Projetos de Extensão e também no site do Ministério da
Defesa , no dia 7 de maio.

Experiência de Vida

O Projeto Rondon é uma ação de integração social coordenado pelo Ministério
da Defesa e conta com a colaboração da Secretaria de Educação Superior do
Ministério da Educação (MEC). Envolve atividades voluntárias de
universitários e busca aproximar esses estudantes da realidade do país, além
de contribuir para o desenvolvimento de comunidades carentes.

As atividades realizadas pelos rondonistas, como são chamados os professores
e estudantes universitários que participam do Projeto, concentram-se nas
áreas de comunicação; cultura; direitos humanos e justiça; educação; meio
ambiente; saúde; tecnologia e produção e trabalho. Cerca de dois mil
universitários participam anualmente do Projeto, que acontece todos os meses
de julho e janeiro ou fevereiro e tem duração de 15 dias.

Na UFSC diversas equipes já colaboraram. “O Projeto Rondon é uma excelente
oportunidade para colocar em prática conhecimentos adquiridos na
universidade, assim como uma experiência de vida sem igual onde aprendemos
com a sabedoria popular e contribuímos diretamente com atividades de
extensão junto aos governos municipais, na elaboração e execução de projetos
para o desenvolvimento das comunidades locais carentes”, avalia o professor
Alcidez Milton da Silva, do Departamento de Saúde Pública do Centro de
Ciências da Saúde.

“A participação permitiu conhecer melhor a realidade brasileira de uma
região remota, a Calha Norte, no Estado do Pará. Colaboramos com a
capacitação de jornalistas de Monte Alegre e também com o registro de um
patrimônio imaterial no Igarapé do Airí, a secular devoção de São João,
efetuada por uma comunidade quilombola.”, lembra o professor do Curso de
Jornalismo, Sérgio Mattos, integrante do Projeto Rondon em 2009.

“São ações que permitem aos universitários sentir o Brasil na sua
diversidade e possibilitam a professores e alunos traçarem, em conjunto com
a comunidade e com os gestores do município, um plano participativo de
intervenção a partir do conhecimento das necessidades locais”, reforça a
professora do Curso de Serviço Social Eliete Vaz.

Ampliação da visão sobre o Brasil, aprendizado no trabalho coletivo e
ampliação de conhecimentos para projetos de pesquisas e extensão são também
aspectos destacados pelo professor Maurício Sens, do Curso de Engenharia
Sanitária e Ambiental. “O Brasil do interior e o do litoral são muito
diferentes, precisamos pensar diferente”, destaca, lembrando metas originais
do Projeto Rondon: levar a juventude universitária a conhecer a realidade
deste país continental.

Mais informações na UFSC:
Profa. Mônica Santos, monicasantos@reitoria.ufsc.br, tel 3721-5344

Conexões de Saberes – Resultado da Seleção

30/03/2010 15:44

Conexões de Saberes
Bolsistas Selecionados
Atualização: 30 de março de 2010

Ailton Pereira Junior,
Alan Carlos Candido,
Amanda Alessandra V. dos Santos,
Ângela Maria Machado,
Barbara Fraga Goes,
Bruno Augusto Souza dos Santos,
Camila Argenta Grazioli,
Daiana do Amaral Jeremias,
Diego Nascimento dos Santos,
Edinéia Mota,
Elaine Cristina da Silveira,
Fabiano Nogueira Cordeiro,
Fátima Ferreira,
Felipe Guerim Pieniz,
Heloiza de Sousa,
Izabeli Cristinei da Silva,
Janaina Mara Vieira,
Janaína Santana M. Petersen,
Jéssica Bedin,
Jonas Cristiano Seibert Becker,
Julio Gabriel de Sá Pereira,
Kátia Morgana Sant?Ana,
Mariane Oliveira Dias,
Michel Maycon de Souza Silveira,
Monique Nicoli Costa,
Rafael Rodrigo Burato,
Rodrigo Arthur de Faria,
Sheyla de Liz,
Taiana Sthefane da Silva dos Santos,
Tamiris Silva da Costa,
Tatiana dos Reis Calixto,
Thiago Bratti Schmidt

Chamada para pesquisa em cooperação internacional em duas áreas

24/03/2010 11:59

Selecionar projetos em matemática para cooperação entre França e Brasil conjuntamente com representantes da Argentina, do Chile, do Peru e do Uruguai. Este é o objetivo do novo edital do Programa MATH AMSUD/Capes, publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 18, pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

O intuito é incentivar e reforçar a colaboração e a formação de redes em pesquisa e desenvolvimento em matemática, por meio da apresentação de projetos conjuntos. As inscrições podem ser feitas até o dia 15 de maio.

Os projetos de pesquisa devem conter um componente regional entre a França e pelo menos dois países sul-americanos associados. Está explicito o interesse em favorecer na América do Sul a sinergia com outros programas regionais e multilaterais da matemática, em particular com a União Européia além de assegurar a continuidade das redes de cooperação científica com a participação de jovens pesquisadores.

O edital está disponível em: http://www.capes.gov.br/editais/abertos/2571-math-amsud-

Ciência da informação

O segundo é o novo edital do Programa STIC AMSUD/Capes, que tem como objetivo selecionar projetos de pesquisas em ciência e tecnologia da informação e da comunicação entre França e América do Sul. As inscrições também podem ser feitas até o dia 15 de maio.

O edital busca o desenvolvimento de instrumentos que facilitem o intercâmbio de estudantes, professores, pesquisadores e o compartilhamento de resultados de pesquisa. Serão selecionados para financiamento projetos conjuntos de pesquisa que tenham em sua dimensão o potencial de inovação e de transferência tecnológica entre os países envolvidos. Também pelo edital serão favorecidas as parcerias com outros programas regionais e multilaterais na área; e a participação de jovens pesquisadores para assegurar a continuidade das redes.

Todos os temas relevantes no âmbito das áreas de ciências e tecnologias da informação e comunicação (STIC, sigla em inglês) são de interesse da chamada.

A proposta deverá ser submetida por um pesquisador brasileiro à Capes, sendo que o grupo de pesquisa deverá estar associado a, no mínimo, uma equipe francesa e uma sul-americana, que apresentarão simultaneamente suas propostas às contrapartes estrangeiras envolvidas no programa.

Confira o edital: http://www.capes.gov.br/editais/abertos/2572-stic-amsud

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (61) 2022-6657 e (61) 2022-6675.
(Assessoria de Imprensa da Capes)

Finep estende prazo para apoio a projetos de transporte aquaviário e construção naval

24/03/2010 11:56

Edital, lançado pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) em janeiro, acaba de ter prazos prorrogados. Inscrições vão até 5 de abril
O edital oferece R$ 25 milhões para as áreas de transporte aquaviário (R$ 7 milhões) e construção naval (R$ 18 milhões). Os projetos apoiados serão relativos a temas como tecnologia e construção de embarcações, sistemas logísticos marítimos e fluviais, segurança do transporte aquaviário e desenvolvimento de equipamentos e instrumentos para coleta e monitoramento de dados ambientais.

Podem se eleger instituições científicas e tecnológicas (ICTs) públicas ou privadas sem fins lucrativos, ou fundações criadas especificamente para dar apoio a ICTs. Caso o valor total das propostas selecionadas para aprovação em um dos temas seja inferior ao valor estabelecido, os recursos não aplicados serão automaticamente transferidos para propostas com melhor classificação na outra temática.

Dos recursos financeiros a serem concedidos, 30% deverão ser aplicados nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Se o montante dirigido a estas regiões for inferior a este percentual, o dinheiro não aplicado será automaticamente transferido aos projetos com melhor classificação em outras regiões. O edital está disponível em:
http://www.finep.gov.br//fundos_setoriais/ct_aqua/editais/Chamada%20Aquaviario%20vers%C3%A3o%20final.pdf

Veja mais detalhes sobre os novos prazos:
http://www.finep.gov.br/fundos_setoriais/ct_aqua/documentos/Rerratifica%C3%A7%C3%A3o_Aqua.pdf
(Assessoria de Comunicação da Finep)

CNPq investe R$ 16 milhões em projetos de energia renovável

24/03/2010 11:44

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) lançou edital para selecionar projetos de pesquisa para desenvolvimento e inovação na área de energias renováveis
As propostas aprovadas serão financiadas no valor global estimado de R$ 16 milhões, oriundos do Fundo Setorial de Energia (CT-Energ). O presente edital apoiará cinco linhas de pesquisas: Energia Eólica, que receberá R$ 4,5 milhões de recursos; a de Micro e Pequenas Centrais Hidroelétricas, financiada com o valor global R$ 1,5 milhões; a de Energias do Mar, com o valor de 2 R$ milhões; Energia Solar Fotovoltaica, com R$ 4 milhões no total; e a linha de Mudanças Climáticas, Climatologia e Meteorologia, que receberá R$ 4 milhões.

Serão apoiados projetos com valor de no mínimo R$ 300 mil e no máximo R$ 700 mil, valores destinados a capital, despesas de custeio e bolsas tecnológicas. Para este edital 40% dos recursos totais previstos serão destinados a projetos desenvolvidos por instituições localizadas nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, respeitando as áreas de abrangência das respectivas Superintendências de Desenvolvimento Regional.

Para submeter proposta a este edital o proponente deve possuir o título de doutor, ter seu currículo cadastrado na Plataforma Lattes, e ainda vínculo formal com a instituição de execução do projeto.

Serão concedidas bolsas, com duração prevista de até 24 meses, nas modalidades, de Iniciação Tecnológica Industrial (ITI-A e ITI-B), Desenvolvimento Tecnológico Industrial (DTI), Extensão no País (EXP); Apoio Técnico em Extensão no País (ATP); e bolsas com duração prevista de até 12 meses na modalidade Especialista Visitante (EV).

As propostas devem ser encaminhadas ao CNPq exclusivamente via Internet, por intermédio do Formulário de Propostas Online, disponível na Plataforma Carlos Chagas, até o dia 3 de maio.

Leia o edital na íntegra: http://www.cnpq.br/editais/ct/2010/005.htm
(Assessoria de Comunicação do CNPq)

Edital – Direitos da Criança e do Adolescente

24/03/2010 09:31

No dia 09 de fevereiro do corrente ano foi publicado o Edital de seleção de projetos da Subsecretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente.  A data para o envio das propostas foi prorrogada para 15/04/2010. Informações adicionais podem ser obtidas no site www.presidencia.gov.br/sedh, por meio dos telefones (61) 3429-3225 e (61) 3429-3525 ou pelo endereço eletrônico edital.spdca@sedh.gov.br. O edital pode ser acessado diretamente em: http://www.mj.gov.br/sedh/editais/2010/snpdca/1.pdf.