Conheça o Laboratório da UFSC que realiza pesquisas inovadoras relacionadas ao diabetes

16/11/2017 10:24

O Laboratório de Investigação de Doenças Crônicas (LIDoC), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), é coordenado pelos professores e pesquisadores, Alex Rafacho e Everson A. Nunes, do Departamento de Ciências Fisiológicas do Centro de Ciências Biológicas (CCB). O laboratório tem o objetivo de compreender alterações na tolerância à glicose e na sensibilidade à insulina por meio de pesquisas pré-clínicas e clínicas.

O LIDoC começou em 2011 a partir do ingresso de três docentes. Os trabalhos possuíam pontos em comum e, desde o início, surgiu a ideia de unir os pesquisadores para um único espaço. Nos dois primeiros anos o trio desenvolveu trabalhos conjuntos, respeitando os diferentes segmentos de pesquisa de cada um. Em seguida, o professor Daniel mudou-se para a UNESP de Araraquara, porém ainda presta colaborações. No LIDoC são realizados experimentos pré-clínicos, experimentos realizados com roedores e clínicos, realizados com humanos. Todos em conformidade com o Comitê de Ética no Uso de Animais (CEUA) e do Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos (CEPSH) da UFSC.

(mais…)

Os Saberes Elementares da Matemática e a formação do professor de matemática brasileiro

09/11/2017 11:23

Quando perguntamos para qualquer criança se ela gosta de matemática só existem duas respostas possíveis: “Eu amo matemática!” ou “Eu odeio matemática!”. Assim como em suas fórmulas e operações, a resposta é sempre exata, mesmo se for uma negativa. Para o professor e pesquisador David Antônio da Costa não existe somente uma matemática, ela é um mundo de interpretação que vai além do singular.

O professor David, do Departamento de Metodologia de Ensino, acredita que é necessário conhecer o passado. “Saber como foi a história do ensino é o que ajuda entender a identidade do professor de matemática”. David Antônio faz parte do Grupo de Pesquisa de História da Educação (GHEMAT), um grupo de âmbito nacional que existe há dezessete anos, reúne dados e produz pesquisas históricas sobre o ensino de matemática no Brasil. Para divulgar as pesquisas de cada estado respectivo ao professor/pesquisador que as produziu, os membros do GHEMAT se encontram todos os anos nos Seminários Temáticos que tratam dos Saberes Elementares da Matemática. A cada encontro é lançado um livro que é a sínteses das pesquisas produzidas no ano.
(mais…)

Acontece primeiro Seminário de Suporte à Pesquisa e Gestão de Dados Científicos na UFSC

20/09/2017 11:15

Abertura do Seminário com a presença do Pró-Reitor de Pesquisa, professor Sebastião Roberto Soares. Foto: Organização do Evento

A importância do compartilhamento dos dados que formam a pesquisa final é um dos temas de discussão na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) atualmente. O primeiro Seminário sobre este tema aconteceu nos dias 18 e 19 de setembro na UFSC. Organizado pela Biblioteca Universitária (BU) e o Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação (PGCIN), o evento reuniu instituições de todo o Brasil, tanto federais de ensino quanto empresas particulares de pesquisa.

O I Seminário de Suporte à Pesquisa e Gestão de Dados Científicos: panorama atual e desafios é um dos passos importantes para o aperfeiçoamento da pesquisa dentro da universidade. A Comissão para Concepção de Serviço de Suporte à Pesquisa e Gestão de Dados da BU foi uma das protagonistas na organização deste evento. Karyn Lehmkuhl, coordenadora geral da Comissão, explica que a Biblioteca busca melhorar o suporte à pesquisa dentro da universidade. “Esse evento foi criado para sensibilizar a comunidade acadêmica sobre a importância da difusão de dados científicos .”

(mais…)

Mulheres transformam realidades dentro da pesquisa brasileira

21/08/2017 13:38

Sem serem convidadas a participar da ciência, as mulheres chegaram nessa esfera e agora estão inseridas em diferentes áreas da pesquisa no Brasil. A Editora Elsevier revela que 49% das pesquisas no país são produzidas por brasileiras. Essa é a maior porcentagem de cientistas do gênero feminino no mundo. A professora Joana Maria Pedro, do departamento de História, e a Secretária Francis Solange Tourinho, da Secretaria de Ações Afirmativas (SAAD), caracterizam essa realidade dentro da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

A pesquisa “Gender in the Global Research Landscape”, da editora holandesa especializada em termos científicos Elsevier, mapeou o gênero dos pesquisadores em alguns países, entre eles o Brasil. Com dados coletados de 1996 a 2000 e de 2011 a 2015, o estudo apresenta um crescimento de 11% da participação feminina no Brasil desde 1996, porcentagem maior que em países como Estados Unidos, Reino Unido, Portugal e Japão.

“Eu comecei na pesquisa pois tinha vontade de saber como as coisas eram feitas e como eu poderia ajudar.” Francis Solange Tourinho – Secretária da Secretaria de Ações Afirmativas UFSC. Foto: Henrique Almeida/Agecom

(mais…)

Professor de Física da UFSC faz parte de projeto internacional de mapeamento da Via Láctea

13/06/2017 17:13

Imagem aumentada do bojo galáctico registrada pelo telescópio VISTA no projeto VVV.

Saber a origem da vida no Universo e para onde vamos continua sendo uma questão para a humanidade. Pesquisadores astrônomos, como o professor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Roberto Saito, trabalham para revelar aspectos ainda desconhecidos de nossa galáxia, a Via Láctea. Formado em física pela UFSC e com pós-doutorado na PUC Chile, o professor participa do projeto internacional VISTA Variables In The Via Láctea (VVV).  Junto deste grupo, Saito mapeou mais de 84 milhões de estrelas na região central da Via Láctea, o que resultou no artigo publicado em 2012.

O projeto VVV começou a ser formado em 2009, quando o European Southern Observatory (ESO – Observatório Europeu do Sul) abriu uma chamada pública para observação com o telescópio VISTA (Visible and Infrared Survey Telescope for Astronomy). Após a seleção realizada pelo ESO, um grupo de diferentes pesquisadores do mundo todo se reuniu para formar o VVV.

(mais…)

Projeto HPV realiza testes com vacina contra nove tipos do vírus.

30/03/2017 09:06

O projeto HPV (Papilomavírus humano), no Centro de Pesquisa Clínica do Hospital Universitário da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), conta com a participação do professor e pesquisador Edison Natal Fedrizzi, do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia. Os atendimentos são realizados à comunidade, a qual participa de pesquisas relacionadas ao vírus HPV.

Segundo Fedrizzi, o HPV é uma família de vírus, conhecidos cerca de 200 tipos diferentes, com uma predileção para infecção no ser humano em pele e mucosa. O aparecimento de verrugas ou o câncer de colo de útero depende do tipo do vírus e a manifestação dessa infecção, ou seja, as verrugas são causadas por um tipo de HPV e o câncer por outro, mas é possível possuir ambos no organismo.

O professor comenta que as pessoas costumam utilizar a internet para pesquisar sobre a doença, mas é preciso cuidado, pois há diversas informações falsas e desatualizadas sobre o assunto na rede.

(mais…)

  • Página 2 de 2
  • 1
  • 2