Grupos de Pesquisa

 O que é o Diretório dos Grupos de Pesquisa no Brasil?

O Diretório dos Grupos de Pesquisa no Brasil (DGP) constitui-se em bases de dados que contém informações sobre os grupos de pesquisa em atividade no país. O Diretório mantém uma base corrente, cujas informações são atualizadas continuamente pelos líderes de grupos e o CNPq realiza censos bi-anuais, que são fotografias dessa base corrente.

Critérios válidos para líderes e grupos de pesquisa da UFSC:

1. O que é necessário para que um líder seja cadastrado pela instituição?

É necessário que seja doutor e professor efetivo da UFSC. Deve solicitar o cadastro de líder de grupo, enviando um e-mail com nome completo e CPF, para gp.propesq@contato.ufsc.br.

 

 

2. O que é necessário para que um grupo de pesquisa seja certificado?

Os critérios para certificação do grupo são:
a) Os currículos de todos os participantes devem estar atualizados na Plataforma Lattes (nos últimos 6 meses),
b) Ter pelo menos duas pessoas,
c) Ter ao menos um estudante com graduação em curso (no item Recursos Humanos –> Estudantes)

 

3. É recomendável que:


a) Os grupos possuam 2 (dois) líderes e a indicação do sub-líder somente estará disponível após a certificação do grupo.
b) Os grupos de pesquisa não tenham mais de 10 (dez) pesquisadores, incluindo os colaboradores externos à instituição.
c) Sejam incluídos alunos de pós-graduação e técnicos.
d) Cada pesquisador participe de no máximo 3 (três) grupos de pesquisa.

4. Como criar um grupo de pesquisa?

a) Quando receber a confirmação da Propesq de que foi cadastrado como líder, o pesquisador deve acessar o Diretório dos Grupos de Pesquisa, inserindo login e senha (o mesmo da Plataforma Lattes).
b) Selecionar a opção “Líder” na parte superior da página, clicar em ‘criar novo grupo’ e preencher o formulário (é possível salvá-lo e terminá-lo posteriormente).
c) O grupo somente é enviado para ser certificado pela instituição quando o líder clica em “enviar ao CNPq”.

 

5. Outras informações:

a) A Dirigente Institucional de Pesquisa da UFSC no DPG é a professora Maique Weber Biavatti, superintendente de projetos. Por isso, para que um grupo apareça no DGP é necessário que a Propesq o certifique.

b) Caso o grupo de pesquisa não esteja de acordo com as necessidades descritas acima, o grupo não poderá ser certificado pela instituição. Nesse caso, será encaminhado um e-mail solicitando as alterações. Não sendo realizadas as alterações, o grupo de pesquisa terá a certificação negada.

c) Todos os pesquisadores e estudantes de um determinado grupo têm acesso às informações dadas pelo líder no DGP. Basta acessarem o sistema e escolherem a opção pesquisador ou estudante na parte superior esquerda da página. Recomenda-se que todos os participantes chequem as informações e as corrijam, quando houver erros.

d) É necessário atualizar periodicamente o grupo, pois após 12 (doze) meses sem atualização, o grupo perde a certificação e passa para o status ‘não-atualizado’. Permanecendo mais 12 (doze) meses como não-atualizado, o DGP exclui automaticamente o grupo de pesquisa do diretório.

e) As atualizações devem ser feitas on-line pelo líder do grupo e devem ser sempre encaminhadas ao CNPq.

f) Um grupo de pesquisa pode apresentar os seguintes status:

  • Aguardando certificação (quando o líder envia o grupo ao CNPq);
  • Certificação negada (quando o grupo não é certificado por não estar dentro das recomendações);
  • Certificado (quando o grupo está certificado e atualizado com as suas informações);
  • Não-atualizado (quando o grupo passa mais de doze meses sem atualização);
  • Em preenchimento (quando o líder começou a preencher o grupo e não o enviou para o CNPq);
  • Excluído (quando o líder do grupo excluí-lo ou quando o grupo passar mais de doze meses não-atualizado).

Outras informações sobre o DGP e sobre grupos de pesquisa podem ser consultadas no FAQ. O CNPq também disponibiliza um Manual do Usuário, que pode ser acessado neste link.

Dúvidas podem ser encaminhadas para gp.propesq@contato.ufsc.br.